Categorias
Cães Coelho Destaques

Mantenha os parasitas longe do seu pet

A infestação pode acontecer até mesmo dentro de casa. Lugares insalubres são mais propensos à infestação, mas o contagio também ocorre em lugares do nosso convívio, como quintal de casa, pet shop ou em um simples passeio pela rua ou pela pracinha do bairro, na qual os pássaros, roedores e outros cães tem acesso.

O controle de ectoparasitas, como pulgas, também deve ser realizado no ambiente e nos pets. Deve-se evitar contato com outros animais, como pássaros, camundongos, ratos, lagartixas e insetos que também podem transmitir doenças.

Limpeza do ambiente

Muito importante medicar periodicamente seus animais, inclusive as fêmeas gestantes, com vermífugos e antiparasitários de forma preventiva ou como tratamento, manter o ambiente sempre limpo, realizando a limpeza simples com água sanitária, recolher suas fezes diariamente e descartá-las de maneira correta, garantindo que outros animais não tenham contato com elas, também são formas de prevenção.

Vermifugação correta

Existem vários protocolos de vermifugação, que podem mudar de acordo com a referência utilizada, é importante conversar com seu veterinário para que ele passe o mais indicado para o seu animal.

Na Terra Zoo você encontra uma enorme variedade de produtos e profissionais para orientá-lo a fazer a vermifugação do seu pet da forma correta.

Abaixo, segue um esquema simples, explicando quando, em geral, devemos vermifugar os pets:

  • Filhotes: O remédio deve ser ministrado nos primeiros 15 dias de vida do cão, com reforço após 15 dias. O animal deve continuar com o tratamento, de forma mensal, até o sexto mês de vida. Nos gatos, a primeira dose é aos 30 dias, com reforços após 15 e 30 dias da dose inicial. Assim como nos cães, os felinos devem seguir o tratamento, mensalmente, até o sexto mês.
  • Mais velhos: Em animais adultos, principalmente, aqueles que tem contato com outros bichos ou não são acostumados a ficar na rua ou em praias, a recomendação é vermifugar a cada 4 meses.
  • Gestantes ou lactantes: Para as gatas e cadelas prenhes, o cuidado é o mesmo e não pode haver descuido, pois as chances de contaminar os filhotes são bem maiores, elas devem ser vermifugadas a partir de 45 dias de gestação, e depois simultaneamente com os filhotes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.