close
paracentrotus_lividus_78916057_vilainecrevette

Mesmo que as algas surjam em pequena quantidade, alguma limpeza periódica para o seu controle é necessária, pois além de atrapalharem a estética do aquário, elas são prejudiciais para o equilíbrio do ecossistema. Existem animais que podem ajudar nesse trabalho, conhecidos entre os aquaristas marinhos como “equipe de limpeza”. Como se alimentam de restos de alimentos e detritos, auxiliam no controle dos parâmetros como nitrato e amônia que podem ser produzidos por material orgânico em deterioração no aquário.

Podemos dividir essa equipe de limpeza em: Algueirosque se alimentam de algas, seja raspando o vidro ou comendo as algas de maior porte de rochas ou substrato, como as filamentosas; detritívoros, animais que se alimentam de resto de ração, animais mortos entre outros resíduos orgânicos que podem se formar no aquário; e bioturbadores, organismos que se enterram, e portanto, reviram o substrato, oxigenando-o impedindo que ele se compacte.

Como e quando colocar limpadores

Muitos aquaristas seguem a regra de um animal para cada 5 litros de aquário para a escolha dos limpadores menores como Mini-paguro, Nishi Snail, Turbo Snail e Neritina. Em aquários maiores é comum a procura por animais maiores. Nesse caso, a Astrea e o Paguro de Pata Amarela podem ser menores. Se a opção forem animais maiores, a proporção em relação ao volume do aquário é inversamente proporcional ao tamanho do animal, menor a quantidade a ser colocada no aquário. A variedade de animais para a equipe de limpeza também é importante, pois alguns podem ter mais facilidade para fazer certos serviços do que outros.

É interessante que os limpadores sejam os primeiros animais a entrar no aquário, assim que o ciclo do nitrogênio estiver completo, ou seja, quando os testes de amônia e nitrito indicarem segurança para os animais. Se o aquário estiver sem algas, não os coloque a não ser que esteja disposto a alimentá-los.

Excesso de algas dá um aspecto sujo ao aquário. Existem animais que comem e regulam a quantidade de algas, contribuindo para a limpeza do aquário. São vários os fatores que podem favorecer o crescimento de algas, como o excesso de luz e nutrientes, como fosfato e nitrato. Portanto, a disponibilidade tanto de algas quanto de nutrientes como alimento para estes animais limpadores também varia de acordo com esses fatores.

Alguns animais marinhos que podem ajudar a manter o aquário mais limpo:

– Ofiúros:

Possuem corpo redondo e braços flexíveis. Alimentam-se de restos de comida que encontram no aquário, evitando que apodreçam. Também comem animais mortos. Alguns de maior porte podem comer peixes ou camarões, informe-se antes de adquirir um.

– Estrela Sand Sifing (Astropecten polyacanthus)

Estrela branca e cinza que vive a maior parte do tempo enterrada no substrato.  Devoradora de detritos, ajuda a manter o substrato limpo como bioturbadora. A maioria das estrelas não deve ser encaixada como equipe de limpeza. Em geral, são animais carnívoros que precisam ser alimentados, podendo inclusive comer corais.

– Ouriços do mar

A maioria dos ouriços do mar são excelentes comedores de algas, podendo também se alimentar de detritos. No entanto, podem raspar as algas coralinas ( algas pink) que são benéficas ao aquário. É preciso tomar cuidado, pois podem fazer bagunça no aquário, como derrubar pedras, e algumas espécies conseguem segurar pedaços de corais vivos e carregar pelo aquário, queimando outros corais que encostem nele. Portanto, escolher bem a espécie de ouriços é importante.

E os peixes, também podem ajudar na tarefa de limpeza do aquário?

É comum encontramos peixes que comam algas e assim contribuem com a limpeza do aquário, além de ornamentarem o aquário com sua beleza. É sempre bom lembrar que antes de colocar qualquer peixe no aquário, é importante verificar se ele é compatível com o tamanho do aquário. A quantidade de animas necessária para manter o aquário limpo varia muito de aquário para aquário.

 

Tags : aquárioaquarismocachorropeixe
Terra Zoo

Sobre o autor Terra Zoo

Deixe uma resposta