close
gato

Assim, como nós humanos comemos um tipo de alimentação na primeira infância e outro tipo na fase adulta, os gatos também precisam desse tipo de atenção.

Gestação

No período de gestação e o lactação, as gatas precisam de mais energia e nutrientes – a necessidade da fêmea aumenta cerca de 25% ao mesmo tempo em que a capacidade do estômago diminui. Então, ao invés de aumentar o tamanho das porções, o ideal é alimentá-las com ração para filhote, que é mais calórica e tem maior concentração de cálcio e outros minerais.

Filhotes

Até 1 mês de vida, o leite materno é suficiente. Após esse período, as rações para filhote se tornam mais adequadas. Além de fornecer nutrientes suficientes para o bom desenvolvimento dos filhotes, elas reforçam a imunidade e são mais fáceis de mastigar.

Filhotes órfãos

Existe no mercado substitutos para o leite materno, uma vez que o leite de vaca é muito fraco para os filhotes.

Adultos

Os gatos necessitam de menos calorias, cálcio e gorduras na fase adulta, quando passa a ser necessário controlar o peso deles. Por isso, as rações para adultos são menos calóricas.

Obesos

Gatos acima do peso necessitam de mais fibras na alimentação, que facilitam o trânsito intestinal e a eliminação de pelos. E precisam ingerir menos gorduras e energias. O mesmo vale para os gatos castrados, que tendem a engordar com facilidade.

Gatos idosos

Pouco calóricas, as rações para gatos maduros além de serem menos calóricas, também estimulam o bom funcionamento do intestino, que pode se tornar mais lento pela falta de movimentação. Para esta turma de mais idade, existem opções mais adequadas para fortalecer a imunidade, proteger as articulações e facilitar a mastigação dos velhinhos.

Para tratar ou prevenir doenças no trato urinário

Alimentos com menor teor de magnésio ajudam a controlar a acidez da urina e evitam a formação de pedras, um problema muito comum em felinos. Na Terra Zoo você encontra rações com esta finalidade.

Gatos peludos necessitam de ração específica

Há no mercado uma ração exclusiva para os bichanos da raça persa que também podem ser utilizadas para outros gatos de pelo longo. A explicação é que os pelos longos podem se acumular no trato digestivo e atrapalhar a absorção de nutrientes. Por isso, o produto contém celulose, uma fibra insolúvel que facilita a passagem dos pelos pelo sistema digestivo, e óleo mineral lubrificante, que facilita sua eliminação por meio das fezes.

Leite causa diarreia

Aprendemos desde cedo nos desenhos animados que os bichanos adoram leite. Gatos de verdade têm dificuldade em digerir bem o leite. Podendo desenvolver uma forte diarreia.

Tags : dicadicasfelinogato
Terra Zoo

Sobre o autor Terra Zoo

Deixe uma resposta