Categorias
Cães Destaques Gatos

Não descuide da limpeza, seu pet agradece!

Não adianta dar banho no seu cão e deixar de lado a higiene da casinha, do colchão, dos pratos, etc…

Limpeza no chão

Deve ser frequente nos ambientes da casa usados pelo animal para que o micro-organismos não se alastrem, possibilitando uma infecção daquelas – com diarreia e vômito no pacote. Mas não é recomendável usar qualquer produto de limpeza. Existem aqueles específicos, que previnem alergias nas mucosas e na pele do bicho. Um exemplo é o Herbalvet, confira em nosso site, clicando aqui.

Tudo em pratos limpos

Tanto o comedouro como o utensílio de água devem ser limpos sempre que forem usados. Use sabão ou detergente neutro, enxágue e, em seguida, coloque-os para secar. Essas medidas impedem que fungos, bactérias e outros micróbios se acumulem. Assim, você evita diarreias e infecções.

Acessórios brilhando

Coleiras, guias e tapetinhos sujos é tudo o que os micro-organismos querem para se multiplicar. Lavá-los semanalmente e secá-los ao sol é a melhor dica. Para quem quer ir além da água e do sabão, existem produtos de limpeza criados especialmente para cachorros. Em geral, são antialérgicos, bastante seguros e deixam tudo tinindo de limpeza.

Faxina geral

A casinha deve ser lavada com muita água e sabão semanalmente. Os modelos de plástico ou alvenaria são mais fáceis de faxinar do que as casas de madeira – que, no caso, devem ser limpos com um pano úmido e desinfetante específico, vendidos no petshop. Caso permaneça algum mau cheiro depois da faxina, é preciso investigar o motivo. O odor ruim entrega problemas de pele e outras doenças do cão. Ai, o certo é relatar o sintoma ao veterinário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.