Categorias
Aquarismo

Molinésia ou Molly: resistentes e ideal para iniciantes

A Molinésia, ou Molly é um peixe muito resistente e de fácil reprodução, por conta disso, tem muito espaço entre os iniciantes na criação de peixes ornamentais. São peixes que convivem bem com outros peixes, sendo uma excelente opção para aquários comunitários. Embora a Molinésia seja muito fácil de ser criada em um aquário, e importante alimentá-lo corretamente e manter o aquário limpo para poder aumentar a vida útil do peixe e deixá-lo ainda mais vistosos e colorido.

6- MOLINÉSIA NEGRA

Possuem uma variação de cor muito grande, indo do prata ao negro. São também encontrados na cor branca com pintas negras, e por isto, chamadas de Molinésia Dálmata.

6- MOLINÉSIA DALMATA

Na natureza, são encontrados até na foz dos rios, sendo resistentes às águas salobras e até à àgua do mar. Originárias do sul dos Estados unidos ao norte do México, Colômbia até a Venezuela, são encontradas em rios, lagos e estuários, preferindo zonas litorais de baixas altitudes com temperaturas entre os 21 e os 28°C.

4- MOLINÉSIA NEGRA

ALIMENTAÇÃO

Vegetarianas por excelência, gostam de comer alface, espinafre cozido, algas marinhas picadas, etc. Podem ser oferecidos alimentos vivos como artêmia salina, larva de mosquito, tubifex e micro vermes. Passam o tempo procurando algas e limo nas paredes e no fundo do aquário. Na Terra Zoo encontra-se ração industrializada apropriada para as Molinésias, o que torna muito mais prático a sua alimentação.

3 MOLINÉSIA PRATA

REPRODUÇÃO

O macho procura a fêmea em busca de uma oportunidade para a fecundação. Depois de acasalar, a fêmea demora cerca de um mês para liberar os filhotes, durante este período o seu ventre vai aumentando de tamanho, conforme os filhotes se desenvolvem dentro dos ovos, uma mancha escura vai se tornando mais evidente na área próxima à nadadeira anal. Sua reprodução é bem fácil, a gestação completa dura de 28 a 40 dias e todos os filhos já nascem completamente desenvolvidos e prontos para a vida no aquário. É importante separar os filhotes dos outros peixes, pois ele nascem pequenos demais e os maiores podem comê-los com facilidade.

2 MOLINÉSIA DÁLMATA

Como abrigo para os filhotes, pode-se usar plantas flutuantes no aquário para que eles se escondam entre suas raízes ( ou plantas fixas, que ofereçam abrigo entre suas folhas), pelo menos até que sejam separados ou tenham tamanho suficiente para não virarem alimento de outros peixes. A fêmea e outros peixes podem tentar comer os filhotes por confundi-los com alimento vivo.

1 MOLINÉSIA NEGRA

A melhor alternativa para proteger os filhotes, é que se tenha um aquário separado para a reprodução, uma maternidade, para que a fêmea tenha as crias, e também para que você possa separá-los com mais facilidade. Como os pais não cuidam dos filhotes, desde o início, já se pode oferecer rações específicas para alevinos e alimentos vivos como micro vermes, conforme os filhotes forem crescendo alimentos de maior porte podem ser oferecidos.

image004

Nome Popular:
São conhecidos com o nome de Molinésia ou Molly

Nome Científico:
Foi batizado de Poecilia latipinna

Molinésia Dalmata
Molinésia Dalmata

Origem:
São peixes nativos do Sul dos EUA até Norte do México

Tipos de Molinésia:
Molinesia negra, Molinésia Negra Cauda de Lira, Molinésia Dalmata, Molinésia Dalmata Balão, Molinésia Dalmata Balão Albina, Molinésia Albina Lira, Molinésia Prata, Molinésia Prata Balão, Molinésia Tigre, Molinésia Chocolate, Molinesia Tangerina, Molinésia Tangerina Balão.

Temperatura:
Para manter a qualidade do habitat ideal para a Molinésia, a água deve estar entre 24°C e 28°C, mas de preferência manter em 27°C.

Água:
O pH da água deve ficar entre 7.0 a 8.0, com um dH de 10 a 25 dGH

Alimentação:
As Molinésias tem uma alimentação Onívora, comem várias coisas, vou listar algumas delas: Rações em flocos, algas, spirulina, alimentos vivos entre outros.

Comportamento/ Sociabilidade:
Peixes normalmente pacíficos, machos em aquários pequenos podem ser agressivos uns com os outros, o ideal é manter um macho e algumas fêmeas, com os demais peixes é pacífico e calmo.

Dimorfismo Sexual:
O macho é menor e possui a nadadeira dorsal bem mais desenvolvida que a fêmea e a nadadeira anal prolongada e fina que na verdade é o orgão reprodutor chamado gonopódio, a fêmea maior tem o ventre roliço e não tem o gonopódio.

Temperatura:
De 25°C a 30°C. De preferência 27°C.

Água:
pH 7.0 a 7.2. dH 6 a 10.

9 respostas em “Molinésia ou Molly: resistentes e ideal para iniciantes”

olá a minha molinesia preta lyra se adaptou muito bem ao aquario de 17L, coloquei uma colher de sal (infelizmente não sabia que teria de ser sem iodo) com iodo, de cozinha, a cada 17L, então apenas uma. Além do ph estar 7.6, os níveis de amônia e nitrito estão oks. Com o passar do tempo, uma semana, eu percebi que a mesma peixe estava super adaptada! birncava, nadava rapido, comia muito bem, até vinha na minha mão. Hoje, na mesma semana, comprei mais duas molensias femeas, branca e amarela, as duas pertenciam ao mesmo tanque eu coloquei elas no aquario em momentos diferentes, uma de cada vez, fiz o “ritual” de entrada correto. Ainda no mesmo dia, hoje, eu notei que a molinesia amarela e a branca estão nadando em cardume e longe da preta lyra, as vezes elas se juntam e as vezes elas ficam uma em cada cantou ou nadando próximas umas as outras. Isso é normal? Além de tudo que citei, fui tentar alimenta-las logo apos 2 horas que as coloquei no aquario e a molinesia preta lyra que era MUITO simpática e ficava vindo até a minha mão ficou com medo de se aproximar de mim, ela ainda está agitada, nada de um lado para o outro mas está MUITO agitada kkkk ela fica com medo de mim as vezes… Em relação as outras duas molinesias, a amarela e a branca, elas não comeram ainda pois ficam muito no fundo do aquário e quando eu abro a tampa de cima elas se enfiam debaixo do filtro kkkk e de jeito nenhuma querem subir quanto minha mão esta com comida e se eu deixo cair ou fico esperando a minha outra molinesia preta lyra quer comer tudo (gordinha kkkk).
Concluo que estou com medo de haver algum desentendimento entre elas, com medo de uma pegar a cauda da outra, destruírem a cauda da lyra, ou coisa assim, não quero discussão por território. Comprei um castelinho, aquecedor, filtro, cascalho, estou indo em busca de alga para plantar ou alguma vegetação pra ajudar elas a se alimentarem ou coisa assim mas não acho kkkkkk eu gostaria de dica também de como criar vegetação, além da ajuda no nicho do meu aquario. Ou seja, ecossistema. kkkk
OBRIGADA¹ Beijos, Ana.

Bom dia, Ana! Embora as molinésias sejam peixes pacíficos e normalmente não demarcam território, há uma questão que vale a pena ser ressaltada: o primeiro peixe (molinesia lyra) ficou algum tempo isolado do convívio com outros peixes e, portanto, se achou “proprietário” do espaço e da atenção reservada somente a ele no aquário. Parece bobagem, mas os peixes ficam condicionados ao tratamento oferecido. Ao introduzir novos habitantes, a rotina foi mudada e o condicionamento quebrado, embora, os companheiros sejam da mesma espécie. Outra hipótese, é que os dois peixes que chegaram, podem ter formado casal e por uma questão natural, acabaram se isolando. Mas, dificilmente haverá discórdia no aquário. Nossa sugestão é que procure saber o sexo da molinesia lyra e consiga um companheiro para ela. Peixes que são compatíveis: Espada, platy e guppy. (São peixes de água neutra, mas convivem muito bem em ph 7.2). Estamos à disposição para ajudar em outras dúvidas. Um abraço.

Olá tenho uma moly dálmata!
Ela só fica deitada no fundo do aquário!
Se alimenta normal!
Não possui manchas e nem deformidade no corpinho
O que pode ser!?
Obrigada!

Olá desde criança sempre fui facinado por criaturas aquáticas e a vida marinha no geral, e recentemente mergulhei de cara no aquarismo. Adquiri um aquario tamanho mediano, e pra iniciar minha jornada comecei com 15 molinesias, no entanto gostaria de ter outras espécies no meu aquário e queria sugestões.

Poderia me ajudar.

Uma das fêmeas deu filhote… vou isolá-los para não serem comidos…. mas que tipo de alimentação dou aos filhotes?
Desde já super obrigado.

TENHO DOIS MOLINESIA TIGRE. O MACHO COMPREI A 20 DIAS ATRAS, E NA SEQUENCIA DESSES 20 DIAS COMPREI UMA FÊMEA.
O MACHO SE DEU MUITO BEM COM A MINHA BETTA. INCLUSIVE MINHA BETTA FEMEA SE DEU MUITO BEM COM A MINHA MOLINESIA FEMEA.
AGORA O PROBLEMA É QUE O MACHINHO FICA BICANDO A MOLINESIA FEMEA O TEMPO TODO. ISOLEI A FÊMEA COM UMA DIVISORIA NO AQUARIO, MAS QUERIA O ESPAÇO PARA ELES CONVIVEREM NORMALMENTE. JA QUE COM A BETTA O MACHO E A FEMEA VIVEM NORMALMENTE SEM NENHUM TIPO DE AGRESSIVIDADE DE NENHUM DOS LADOS.
VOCES TEM ALGUMA DICA?
EU TIRO A DIVISORIA SEMPRE QUE ESTOU PODENDO OLHAR O AQUÁRIO, MUITAS VESES ELES NAO BRIGAM, MAS EU VIRO AS COSTAS E O MACHO COMEÇA A PERSEGUIR A FEMEA PARA “BRIGAR”… A FEMEA CHEGA A SE ESCONDER ATRAS DA MINHA BETTA, QUE CLARAMENTE DOMINA O AQUARIO…
Obs: Meu aquário tem plantas e ornamentos.

Olá boa tarde, esse é um comportamento normal, quando os peixes vão formar casal o macho fica perseguindo a fêmea, nada junto a ela e da essas cabeçadas. Então deixe os dois juntos pois podem estar formando casal, se a fêmea estiver sendo machucada separe eles definitivamente. Tenho um casal de platys onde o macho persegue a fêmea e da essas cabeçadas e pela terceira vez ela está prenha kkkk. Espero ter ajudado

Boa dia, Comprei recentemente um aquário ,nele junto haviam tres molinesia yelow black (Todas fêmeas),duas platy e duas curidora ,mas durante a noite duas das molinesias começaram a atacar os outros peixe ,ao ponto que quando acordei uma curidora minha havia morrido (E a outra fica se escondendo) , é normal as molinesias atracaram dessa forma ? Elas estão atacando a si mesmas e a curidora mas não estão atacando as platy

Boa tarde! Existe uma incompatibilidade no pH entre esses três peixes: molinésia é de água alcalina, platy de água neutra e coridora de água ácida, o correto seria fazer a correção do pH para neutro para as três espécies conviverem no mesmo aquário. Não é comum esse tipo de ataque, talvez seja por esse motivo. Tente corrigir o pH ou manter esses peixes em aquários diferentes. Um abraço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.