close
Jardinagem

É possível cultivar uma pequena horta em casa

follow-the-colours-garrafa-pet-mini-horta

Muitas vezes quando se pensa em adotar hábitos saudáveis, a primeira coisa que vem a cabeça é a alimentação e cultivar uma pequena horta em casa, pode ser uma excelente opção! E não é nenhum bicho de sete cabeças!

Utilizar espaços reduzidos, como áreas de serviço, pequenas varandas, um espaço no quintal, ou até aquele cantinho na cozinha que você não sabe o que fazer, podem ser bons locais. Não é impossível experimentar uma horta em uma casa sem jardim ou quintal, ou ainda, em um apartamento pequeno. Não há lugar que não seja ideal para se ter uma horta ou uma mini horta. Elas são uma ótima forma de melhorar os hábitos alimentares, já que temperos e ervas fresquinhas bem ao alcance das mãos ajudam bastante numa dieta balanceada.

Outra vantagem de fazer uma horta é trazer mais verde para dentro de casa, mais frescor e alegria, já que a cor quebra o peso de tons mais escuros. Uma planta pode ficar no chão, no balcão da cozinha ou até na mesa do centro da sala.

Se seu espaço é reduzido, é possível cultivar diversos tipos de hortaliças como manjericão, sálvia, coentro, cebolinha, salsinha, hortelã, erva-doce, alecrim, orégano, entre outros, que você encontra aqui. Tudo isso, de forma bem criativa, usando até mesmo materiais que seriam jogados no lixo – como garrafas pet, potes de vidro e latinhas – no lugar de vasos. Além de fazer muito bem o contato com a terra, é uma delícia poder usar os alimentos plantados para dar um temperinho nos nossos pratos. As plantinhas também podem dar um outro efeito na decoração de sua casa.

Para iniciar uma pequena horta, escolha os recipientes que você achar melhor para começar a plantar. Utilize terra adubada e semeie os recipientes de acordo com seu tamanho: vasos e potes menores, requerem menos sementes; nos maiores, é possível acrescentar uma quantidade maior, mas não em excesso.

Quando utilizar recipientes sem furos para o escoamento da água, preencha o fundo com pedrinhas antes de colocar a terra. Dessa maneira a terra não fica encharcada e vai sendo umidificada aos poucos. Identifique cada espécie de planta com a ajuda de plaquinhas ou mesmo palitos de sorvete.

Em casos de duas ou mais ervas compartilhando o mesmo vaso, sempre verifique as necessidades especiais de cada uma, como quantidade de sol (em geral, o ideal é de 3h a 4h de exposição ao sol diariamente) e irrigação. Assim, você pode dividi-las de acordo com as características semelhantes e garantir vida longa às plantas.

Regue a horta preferencialmente no início do dia. Dessa maneira, você evita que o sol resseque demais a terra durante a tarde, ao mesmo tempo que garante que ela esteja suficientemente seca à noite (evitando a formação de fungos).

Evite plantar verduras grandes – como tomate, cenoura e algumas espécies de alface – em recipientes pequenos. Além de não possuírem espaço para crescerem, elas podem atrapalhar o desenvolvimento de outra planta que estiver compartilhando o mesmo vaso.

Dê carinho a sua horta. Plantas são seres vivos e precisam de cuidados, como adubação constante e controle de pragas. Acompanhe o crescimento delas sempre que possível.

Tags : dicadicasjardinagem
Terra Zoo

Sobre o autor Terra Zoo

Deixe uma resposta